Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Limpar as sarjetas

por aquimetem, em 20.11.11

        

          Sempre que a chuva carrega um pouco mais, logo um dos troços da antiga via que dantes ligava a freguesia de Benfica com Carnide se transforma num autentico lago e ratoeira para quem por algum tempo ali estaciona a sua viatura. E tudo porque ali, nas traseiras do Lg Miguel José Mendes, em Carnide, quem traçou e construiu a Av. dos Condes de Carnide  ao estrangular a antiga Estrada do Poço do Chão se esqueceu de deixar sumidouro suficiente  para às águas pluviais que descem de Carnide Velho poder entrar no colector por uma pequena e simples sarjeta. Que por regra até costuma estar sempre obstruída. 

          O vídeo mostra os efeitos que chuva ali provoca, e quanto a estragos dado que o dia 19 calhou ao sábado e também porque  agora a zona passou a estar sob alçada da EMEL, havia espaço para deixar o carro mais afastado das linhas de água.

 

         Esta é a Estrada do Poço do Chão que descendo da Estrada da Correia a par do muro da ex-Quinta do Bom Nome ligava pelo Charquinho com Benfica e hoje morre cortada pela Av. dos Condes de Carnide e duma barreira a separar.

        

            Ao fundo o estrangulamento da via e a respectiva barreira que a separa da Av. dos Condes de Carnide e dos  muros do cemitério de Benfica.

 

        Aqui junto à sarjeta que a lama não deixa ver, mas uma pedra no bordo do canteiro indica a sua direcção, se pode concluir do jeito como em Portugal se fazem os acabamentos nas obras que o povo paga.

 

         Como dizia aos fins de semana o parque é menos procurado e agora com a EMEL em cima dos não pagantes, cada vez vai ser pior. É tempo de crise, porém haja ao menos vagar para limpar as sarjetas

 

          Isto porque o que aconteceu no sábado, já no passado dia 29 de Abril se tinha observando, mas então com a chuva a cair em forma pedra. Devia ter partido a grelha da sarjeta, mas não partiu.

 

         Nessa ocasião o parque estava a abarrotar, quanto a prejuízos só quem os pagou é que sabe.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:58


3 comentários

De Pedro a 21.11.2011 às 15:17

Boa tarde,

O Ao sabor do tempo está em destaque nos Blogs do SAPO, em http://blogs.sapo.pt

Parabéns e boa continuação!

Pedro

De an a 21.11.2011 às 18:02

Ora vamos lá a limpar as sarjetas, ó pessoal da Câmara!
Depois, quando houverem consequências más, "é que são elas"...Santa Bárbara só quando tôa...!!

De aquimetem a 21.11.2011 às 21:37

Lá que deu resultado, deu. Logo pela manhã apareceu uma viatura a limpar os arruamentos; e de tarde, uma equipa de trabalhadores que entre outros serviços de limpeza levantou a grelha da sarjeta e assim a deixou ladeada por duas pedras. Isto demonstra que também os respinnsaveis estão atentos aos apelos do cidadão. Obrigado ppelo seu comentário, e também à Sapo que graças a este post hoje o blog "Ao sabor do tempo" teve honras de destaque nos Blogs Sapo.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D