Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Um bocado da cara

por aquimetem, em 07.05.12

          Conforme já tinha adiantado Na retaguarda, ontem fui almoçar ao Pisão, com a ABAD a festejar 20anos de vida. Era domingo e Dia da Mãe, por isso muitas mãezinhas e avozinhas  também se deslocaram ali para uma folga na cozinha habitual. A ti Beatriz foi uma das contempladas e logo lhe calhei eu, ao lado, e assim, de perto, a poder retratar no seu contemplativo sorriso.  Almoço farto e saboroso, ao bajouquense Lino se ficou a dever os temperos que deram e dão fama ao "Carneiro à Bajouca". Desta vez faltou foi o Sr. Padre Abel, que com a Mensagem de Fátima foi visitar Santiago, em terras galegas de Espanha.

           Ora aqui temos a mesa dos amigos e vizinhos que uma estrada separa. Pelos pratos faltam dois, dirão. Faltam muitos mais que dois, se viessem todos, não cabiam na sala.

  

           Esta apanhei-a com a língua de fora, e a Madalena a rir-se. Bem apanhadas

 

           Aqui uma pequena bailarina que no fim do almoço foi actuar fora da terra, e eu para a ver deixei o espectáculo de musica e folclore que a ABAD seleccionou para oferecer aos bajouquenses nessa tarde

           Não foi em Paris, não senhor. Foi nas Eiras, onde tempos antes da Bajouca ser freguesia e ter estrada, os bajouquenses se calçavam e descalçavam quando iam em missão a Monte Redondo.

 

          Eiras ou casal é o local onde fica situado o Museu de Monte Redondo, associação que  tem em João Moital e Jorge Arroteia os principais obreiros. Neste ultimo fim de semana decorria ali o Museu Festum, com um programa cultural muito bem preenchido e participado.

          Integrada numa das classes da Academia Rithmus - Bajouca, actuou a nossa amiguinha Ângela que eu tive muito gosto ver.  E mais aproveitei para visitar um tesouro que nunca tinha visto: o museu de Monte Redondo, parece impossível, mas é verdade.

 

           No fim da actuação regressei ao Pisão, mas já só assisti ao baile daqueles que o Duo Bruno & Célia, juntamente com o bar, sustentou  até ao fim da tarde. Mas ainda vi chegar o Diamantino da "sueca" que mesmo a mancanitar gosta de dar o seu pé de dança. E elas gostam, diz ele.

 

          Aqui a Sr. António a tentar esconder-se atrás da barriga de outro Diamantino, para eu não o fotografar, mas lá consegui apanhar-lhe um bocado da cara

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:21



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D