Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




hortas na cidade

por aquimetem, em 03.03.08

          Não me costumo demorar em frente dos écrans da TV, mas quando os programas agradam até procuro estar atento, como agora aconteceu em relação às "Tardes da Júlia", hoje desenvolvido, em parte, à volta das hortas alfacinhas. Convidaddos alguns desses  "hortelãos" foi um regalo ouvi-los falar do seu saber empírico que  o arquitecto-paisagista Gonçalo Ribeiro Telles com sua autoridade na área urbanística e ecológica se encarregou de ilustrar à luz do rigor académico.

          Gostei de ver, e ainda mais gostaria se por acaso tivesse visto a horta que entre o ColomboQuinta da Granja, em Benfica, junto da estação de Colégio Militar/Luz existe e da qual em Dezembro pp., recolhi as duas fotos com que também ilustro este post em homenagem às tardes Júlia. Que os lisboetas antes de irem ao Colombo ver as montras,  passem pelo menos  um  olhar  nas hortas em frente do Centro Comercial  e aprendam como  estas ainda se cultivam na cidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:38


3 comentários

De * * Grilinha * * a 18.03.2008 às 11:37

Tb tenho saudades desse tempo das hortas lisboetas.

Nasci e fui criada em lisboa numa quinta (Quinta das Amendoeiras) na zona de Marvila.

Ainda hoje se podem ver algumas hortas entre a zona do Feira Nova (Chelas) e o outro lado da freguesia (Zona J de Chelas)

De aquimetem a 18.03.2008 às 12:51

Também já passei pelo vosso cantinho que não é a 1ª vez. Não Tinha reparado é se era alfacinha. Não sou mas gosto de Lisboa e da sua gente, com quem convivo há mais de 45 anos. Uma santa Páscoa.

De * * Grilinha * * a 18.03.2008 às 13:12

Serás sempre bem-vindo ao cantinho da Grilinha.

Sou alfacinha há 50 anos e de uma zona que muito se desenvolveu nos últimos anos.

A zona do Poço do Bispo até Moscavide que deu lugar á Expo98 - Parque das Nações - e que agora é um espaço muito bem aproveitado.

A zona de quintas em Marvila foi tb muito alterada e muitas fábricas deram lugar a bairros e escritórios.

Mesmo assim ainda se vão encontrando alguns quintais dispersos no meio dos bairros.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D