Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Festival de Sopas

por aquimetem, em 01.05.14

  

          Como antecipadamente foi anunciado mais um Festival de Sopas, o VIIº, teve lugar no Salão do Pisão, organizado pela ABAD(Associação Bajouquense para o Desenvolvimento).

  

          Povo bairrista e muito generoso, sempre que chamado a participar em iniciativas que tenham por objectivo dar satisfação ao sentir da comunidade é vê-lo arregaçar as mangas e mãos à obra. Como já noutras ocasiões a culinária foi mais uma vez motivo para dar a conhecer os vários géneros e sabores da sopa caseira que foi o principal alimento do camponês.      

          Tendo por presidente da direcção a dinâmica bajouquense Maria de Fátima Domingues Fernandes, a ABAD  tornou-se numa das principais associações de cultura e lazer da região e que tem no Parque de Merendas do Pisão e no Certame Feiriarte os seus pontos referenciais.

         Enquanto uns colaboram com a confecção e oferta das sopas, e outros com oferta de produtos e serviços, muitos são também os que na condição de clientes valorizam à mesa do restaurante o que na cozinha se faz. Desta vez, que foi a primeira, fui cliente e prometo continuar.   

         Foi uma tarde de Domingo, dia 27 de Abril, passada à maneira, animada com música ao vivo e sopas quantas se quis comer. Também a  Broa do Pisão e as bebidas eram à descrição. Por volta das 13:00h o ambiente no salão do Pisão era o que as fotos aqui mostram.

 

 

          A boa disposição não falta nestas ocasiões, e dá aos eventos que se realizam na Bajouca a fama que já se não fica pelos lugares mais próximos. Depois a unidade reinante na comunidade é outro motivo de agrado e que contribui para o socesso do evento independentemente da associação que o promova. Aqui os presidentes são para trabalhar, como dá exemplo o Nelson Ferreira, afecto ao GAU (Grupo Alegre e Unido da Bajouca)

           .....Ou um David Soares Cabecinhas, presidente da Direcção da S.A.M.B. ( Sociedade Artística e Musical da Bajouca) que de serviço no controle das entradas só quando todos já  fartos é que foi comer a sua tigelada

 

           Também o Arménio Serradela, que serviu às mesas, depois de todos servidos é que foi molhar o bico

 

           O café foi servido ao ar livre; fora do salão tem outro sabor

 

            Depois do cafezinho da ordem, a reboque da Helena, do David e do Paulinho, foi um passeio a pé, para rebater as sopas, até ao Parque Natural do Pisão, sempre muito frequentado, e pena tive do moinho não estar a trabalhar, mas o moleiro, também tem direito a descanso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:04



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D